Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O melhor Pai do Mundo

Ser Pai é uma experiência que merece ser partilhada. Este espaço é dedicado a todos os Pais que receberam dos seus filhos o título de "O melhor Pai do Mundo".

07.Dez.17

Pai, no Natal vou oferecer-te meias

pai-no-natal-vou-oferecer-te-meias.png

Meias?!? É a primeira reação quando recebia mais um par de meias oferecidas carinhosamente pela minha avó. “Estas são quentinhas. Não podes andar com os pés frios”, as meias vinham sempre com uma mensagem de conforto.

 
Talvez por este histórico, comecei a dar menos valor às meias. Eram apenas mais uma peça de roupa e qualquer que fosse o calçado, usava sempre o mesmo tipo de meias, pretas e de preferência de desporto. À custa disto, colecionei dezenas de pares todos iguais.
 
A ideia de que eu só gostava de meias pretas começou a passar por todas as pessoas da minha família e como sempre fui uma pessoa de gostos difíceis de adivinhar, comecei a receber meias pretas dos tios, dos primos e até dos meus pais. Fiquei traumatizado.
 
Há uns tempos, precisei de ir comprar meias para o mais pequeno. Coube-me a mim esta tarefa e lá fui eu a uma loja de desporto conhecida comprar meias para o rapaz. Pretas de desporto, pois claro! Chegado a casa, mostrei as meias e quando me preparava para as colocar na gaveta respetiva ouço “Pai espera, compraste todas da mesma cor e para fazer desporto? Não havia meias de outras cores?”.
 
Pois é, decidi estar mais aberto a mudanças. Aquela admiração do meu filho soou-me a “Pai, estás ultrapassado, isso já não se usa” e isso foi a minha pedra de toque.
 
Na minha busca por mudar a minha forma de olhar para as meias encontrei um serviço que me surpreendeu e que encaixa perfeitamente na ideia de que as meias não têm de ser sempre pretas. Tem um nome sugestivo Meyash e propõe enviar um par de meias diferente todos os meses. Ora, para quem quer estar aberto a propostas, isto é perfeito.
 
Lá recebi o primeiro par. As expectativas eram altas, ia finalmente dar alguma cor à gaveta das meias. Abri a encomenda, desembrulhei o par de meias e…ali estava o meu primeiro par. Estranhei à primeira, imaginei como as iria usar e guardei-as para uma ocasião especial.
 
Hoje, considero-me um homem diferente. Eliminei a escuridão, o lado negro da gaveta das meias e posso dizer que orgulhosamente tenho vários pares para várias ocasiões.
 
Fiquei fã do Meyash, ao ponto de querer saber mais sobre quem teve esta ideia que mudou a minha perspetiva sobre o mundo das meias. Agora sou um adepto do movimento #nomoreboringblacksocks. Até o meu filho agradece!
 
Para o Pai, que vive de num complexo de escuridão no que toca a meias e gostaria de o combater, utilize o código MEYASHPAI e subscreva com 15% de desconto aqui.
 
Para as Mães, que já não aguentam ver alguém mergulhado no lado mais negro das meias, utilize o código MEYASHPAI e ofereça a subscrição com 15% de desconto aqui.
 
Há ainda um lado solidário, por cada par de meias vendido a Meyash oferece também um par à Associação dos Albergues Nocturnos do Porto (AANP). É um pequeno gesto, mas cheio de significado.
 
O Pai